quinta-feira, 31 de março de 2016

Mais de 60 mil alunos em Jaboatão continuam sem aula

Os trabalhadores em educação de Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife, recusaram a proposta de 5% oferecida pela prefeitura do município. Com isso, cerca de 800 profissionais da categoria continuam em greve por tempo indeterminado. A decisão foi tomada durante assembleia, nesta terça-feira (29).
Na semana passada, a categoria chegou a realizar uma assembleia em frente à prefeitura quando houve a deflagração da greve. O trabalhadores em educação pedem aumento salarial de 15% ou o valor do piso nacional e algumas pendências, como o pagamento de 1/3 das férias para alguns servidores e direitos trabalhistas dos aposentados.
Com esta decisão, mais de 60 mil alunos da rede municipal de ensino estão sem aula.
Informações da Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário