segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Paulo Câmara revela preocupação com o abastecimento de água na Grande Recife

Foto: Roberto Pereira/SEI
Foto: Roberto Pereira/SEI
Dois dias depois que a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) divulgar que já trabalha com a possibilidade de usar o volume morto do Reservatório de Botafogo, que abastece cidades do norte da Região Metropolitana do Recife (RMR), o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), revelou neste domingo (22), em entrevista ao Blog de Jamildo, que o Estado tem uma preocupação com o abastecimento de água na Grande Recife.
“Tem. A gente tem sempre essa preocupação. Estamos passando o período de estiagem. Mas eu vou ter uma reunião terça-feira com Roberto Tavares [presidente da Compesa] para a gente definir algumas questões relativas ao abastecimento e às ações que a gente vai ter de convivência com a estiagem e com o semi-árido”, afirmou o governador.
De acordo com a Compesa, o uso do volume morto do reservatório pode ser feito caso não chova nos próximos 30 dias na região ou o nível da água atinga apenas 14% do volume total. Atualmente, Botafogo está com 16% da capacidade.
Localizado em Igarassu, o reservatório de Botafogo atende também às cidades de Olinda, Abreu e Lima e Paulista. No caso da RMR, o período chuvoso começa em maio.
Paulo Câmara lembrou que na última quinta-feira a Compesa levou para o Ministério da Integração Nacional uma proposta para acelerar algumas obras de abastecimento no Agreste e no Sertão do Estado.
Reservatório de Botafogo com 16% da capacidade. Foto: divulgação/Compesa
Reservatório de Botafogo com 16% da capacidade. Foto: divulgação/Compesa
O governador disse ainda que espera que as investigações decorrentes da Operação Lava Jato da Polícia Federal, que busca revelar uma quadrilha de desvio de dinheiro público da Petrobras, não atrapalhe outras obras federais, como a Transposição do Rio São Francisco.
Uma das empresas investigadas no esquema, a empreiteira Mendes Júnior já demitiu 2,5 mil pessoas em um dos lotes das obras da Transposição em Pernambuco, como mostrou a coluna Pinga-fogo do Jornal do Commercio deste domingo.
“A Transposição é fundamental para a gente ter uma resolução mais rápida dessa questão hídrica no nosso Estado. Então eu espero que não tenha nenhum outro atropelo fora os que já estão tendo. A obra está indo num ritmo que a gente desejaria que fosse mais rápido”, disse.
Foto: BlogImagem
Foto: BlogImagem
COBRANÇA NO FINAL DE MISSA – As declarações de Paulo Câmara foram dadas após a missa de posse do novo bispo auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife, dom Antônio Tourinho Neto, que vem da cidade de Jequié, na Bahia.
Paulo Câmara fez um pronunciamento de acolhida ao novo bispo em que defendeu a necessidade de seguir o exemplo do papa Francisco e “governar com os pés no chão”.
Na saída da igreja, o governador foi cobrado por um jovem aluno da rede pública do Estado sobre a promessa de campanha de não aumentar as passagens de ônibus na Região Metropolitana. No dia 9 de janeiro, o Anel A passou de R$ 2,25 para R$ 2,45.
“A gente está implantando o passe livre a partir do segundo semestre para todos os estudantes da rede estadual de ensino”, respondeu o socialista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário