terça-feira, 5 de agosto de 2014

Candidato rico é outra coisa

 A declaração de bens dos políticos revela brinquedinhos com valores irreais para a maioria esmagadora dos trabalhadores brasileiros. A deputada federal e candidata a vice-governadora do Amazonas na chapa de Eduardo Braga, Rebecca Garcia, por exemplo, informou à Justiça Eleitoral patrimônio de 3,5 milhões de reais.
Um fragmento dessas posses está num relógio de pulso ornamentado com diamantes, da marca Patek Philippe, no valor de 42 300 reais.
Rebecca disse ao TSE ter comprado a joia nove anos atrás, em dez prestações, que à época totalizavam 29 200 reais.
Difícil é encontrar uma capital brasileira – de Manaus a Brasília – com índices de violência que permitam à excelência ou a qualquer outro cidadão passear com um apartamento de pulso.
(Atualização, às 18h05: Rebecca Garcia entrou em contato, por meio da assessoria de imprensa, para acrescentar que não vê problema em ter um relógio Patek Philippe e que veria, sim, caso não o tivesse declarado à Justiça Eleitoral).  (Lauro Jardim - Veja)

Nenhum comentário:

Postar um comentário