banner de rolagem carrosel

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Personalidades declaram apoio à candidatura de Marina Silva

arnaldo antunes - reprodução internet
Diversas personalidades da área cultural reuniram-se em São Paulo nesta terça-feira para declarar apoio à candidatura de Marina Silva (PSB) à Presidência da República.
O primeiro a falar foi o músico Arnaldo Antunes, que já havia declarado apoio à ex-ministra em outras ocasiões.
Ele disse o seguinte: “Eu vim aqui para engrossar a torcida”. E em que pese o “bombardeio de mentiras” de que a candidata tem sido vítima, acrescentou, “a menina vai chegar lá”.
Antunes foi seguido por outras personalidades das áreas de educação, ciência política, empresariado e comunidades indígenas.
Ao chegar ao local com mais de uma hora de atraso, Marina foi recebida com a música composta por Gilberto Gil para sua campanha: “Marinar”.
Militantes com bandeiras da campanha também gritaram “Eduardo, presente, Marina presidente”, em alusão ao ex-governador de Pernambuco, morto em acidente aéreo em 13 de agosto último.

Ao lado de lideranças, Fernando faz campanha em Recife e Jaboatão



O candidato ao Senado pela Frente Popular de Pernambuco, Fernando Bezerra Coelho (PSB), teve uma extensa agenda de rua nesta terça-feira (30), percorrendo alguns dos bairros mais populosos do Recife, além da comunidade de Cavaleiro, em Jaboatão dos Guararapes. Ao longo da programação, que começou às 7h30 da manhã e entrou pela noite, Fernando esteve acompanhado dos prefeitos Geraldo Júlio (PSB) e Elias Gomes (PSDB), do deputado estadual  Francismar Pontes (PSB) e dos vereadores recifenses Vicente André Gomes e Felipe Francismar (PSB), Marco Aurélio, Eduardo Chera (PTN), Josemir Simões (PR), Almir Fernando (PCdoB) e Davi Muniz (PHS).

Fernando começou os compromissos com um café da manhã no Mercado de Casa Amarela, acompanhado de vereadores e lideranças comunitárias locais. Depois fez um corpo a corpo pela rua Padre Lemos, uma das principais do bairro. De lá, seguiu para a Encruzilhada, circulando pelo Largo e mercado público. O candidato foi bastante cumprimentado pela população, que mostrou apoio à chapa fechada da Frente Popular.

Fernando aproveitou o horário de almoço para gravar para o último programa eleitoral e logo em seguida partiu para o Alto José Bonifácio, Bomba do Hemetério e Córrego do Euclides, para um porta a porta. Por volta das 18h ele encontrou o prefeito Elias Gomes, para uma caminhada em Cavaleiro que atraiu uma verdadeira multidão. Mais tarde foi a vez do Ibura, onde já era esperado por Geraldo Júlio para uma grande caminhada que percorreu diversas URs. 

“Fernando é o meu candidato ao Senado. Ele vai me ajudar a fazer ainda mais pelo Recife. Não queremos mais aquele passado das arengas, das intrigas, da falta de compromisso e que tanto mal fez à nossa cidade”, disse Geraldo. Fernando assumiu o compromisso de viabilizar recursos para o projeto de macrodrenagem da capital, para melhorar a coleta das águas e levar segurança às áreas de morro. “Temos que tirar a lama da vida das pessoas. Vou trabalhar ao lado de Geraldo e Paulo Câmara, para que possamos fazer as obras necessárias. Temos um grande legado a defender, uma equipe que joga unida e sabe tirar os planos do papel, com velocidade e eficiência”, afirmou.

Vice-prefeito do PTB anuncia apoio a Paulo


O candidato ao governo Paulo Câmara (PSB) recebeu mais um importante apoio para eleição do próximo dia 5. O vice-prefeito de Brejão, Erivan Lopes (PTB), anunciou que estará unindo forças com a Frente Popular nessa reta final de campanha. Ele lamentou o rumo que está tomando o município com a atual gestão petebista e que o caminho natural seria se unir ao grupo político que dará seguimento ao legado do ex-governador Eduardo Campos.
Além de Erivan, Eduardo Lopes (PTB), filho do ex-prefeito Nivaldo Lopes, assim como vereadores, suplentes de vereadores, ex-vereadores, conselheiros tutelares e agentes comunitários também confirmaram apoio ao “palanque do 40”. “O prefeito é empresário, mas não sabe gerir o poder público municipal. Vivemos um caos, a farmácia básica não dispõe de medicamentos para a população carente, a educação municipal está parada”, criticou o vice-prefeito.
Erivan Lopes integrava a base do PSB há mais de 20 anos, foi vereador por dois mandatos consecutivos, chegando a ser presidente da Câmara de Vereadores. Ele é casado com a ex-vereadora Daniele Costa (PMN), que já cumpriu dois mandatos como parlamentar do PSB. “Eu vi que a proposta de Paulo é diferente. E, na época de Eduardo, todos os aliados eram atendidos”, afirmou Lopes, acrescentando que agora o compromisso é rodar a cidade para garantir a vitória da Frente Popular.


Crédito: Andréa Rego Barros.

Agenda de Paulo Câmara

Paulo Câmara (PSB)
8h – Reunião com Fornecedores de Cana de Açúcar (Local: Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 2.028)
17h30 – Caminhada e Comício em Arcoverde (Concentração: Em frente ao Clube dos Sub-Tenentes, na Av. Pinto Campos)
20h30 – Comício em Petrolina (Local: Av. Bernardino de A. Coelho (próximo à Praça Velha, Bairro José e Maria)

Agenda de Armando Monteiro

Armando Monteiro (PTB)
7h – Panfletagem em frente à CHESF (Local: Em frente à entrada do prédio sede da CHESF, Bongi, Recife/PE)
8h – Panfletagem em frente à SUDENE e ao Hospital das Clínicas (UFPE) (Local: Em frente à entrada principal do prédio sede da SUDENE e entrada principal do Hospital das Clínicas (CDU)
9h30 – Carreata em Engenho do Meio (Local: Ao lado da Academia da Cidade - Rua Manoel Alves Deus Dará - Recife/PE)
15h – Caminhada da Vitória (Local: Praça Maciel Pinheiro, Boa Vista, Recife/PE)
20h – Carreata em Totó (Local: Em frente ao CSU Bidu Krause  - Rua 11, Totó - Recife/PE

Cabo realiza caminhada para celebrar Dia Mundial da Pessoa Idosa


Para comemorar o Dia mundial da Pessoa Idosa, o Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (COMDEPI) em parceria com a Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho vão realizar nesta quarta-feira (1º), a partir das 15h, uma caminhada, seguida de culto ecumênico. A atividade terá concentração na Praça do Jacaré (Centro), e deve seguir pelas ruas da cidade com finalização no pátio da Estação Ferroviária (Centro).  
Organizada pela Secretaria de Programas Sociais, a caminhada tem o intuito de conscientizar a população cabense sobre a importância da pessoa idosa na sociedade e no convívio familiar. “Nosso objetivo é sensibilizar a sociedade em defesa da vida da pessoa idosa, além de gerar saúde e integração social para os idosos”, afirmou o secretário de Programas Sociais, Ronaldo Santos.   
Devem participar das atividades os idosos que fazem parte dos 14 grupos do município, representantes do COMDEPI, entidades ligadas à defesa dos idosos e o público em geral.  
DIA MUNDIAL - A data foi criada em 1991 pela Organização das Nações Unidas (ONU), e tem como objetivo mobilizar a sociedade para as questões do envelhecimento e da necessidade de proteger e cuidar da população mais idosa.
PROGRAMAÇÃO:
Caminhada
Concentração: Praça do Jacaré (Centro)
Hora: 15h 
Culto Ecumênico
Local: Pátio da Estação (Centro)
Hora: 17h 

Texto: Amanda Falcão - Ascom da SMPS/Cabo

O MAIOR SHOW INFANTIL DO ANO NO ASA BRANCA


Curta a nossa fanpage e concorra a ingressos e leve seus filhos para ver a Galinha Pintadinha.

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Globo realiza último debate entre candidatos ao Governo

Do G1
A Rede Globo realiza, hoje, o último debate televisivo entre os candidatos ao Governo, antes do primeiro turno da eleição deste ano. O debate acontece em todas as capitais do País: em Pernambuco, será realizado na sede da TV Globo, em Olinda, começando logo depois da novela "Império".
Os candidatos Armando Monteiro (PTB), Paulo Câmara (PSB) e Zé Gomes (PSOL) participam do encontro, no estúdio da emissora. Foram convidados candidatos de partidos ou coligações com representação na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Quebra de mastro fez veleiro que participava da Refeno virar

Do NE10

Veleiro participava da 26ª edição da Regata Recife Fernando de Noronha (Refeno) / Foto: Cabanga Iate Club/Divulgação
Veleiro participava da 26ª edição da Regata Recife Fernando de Noronha (Refeno)Foto: Cabanga Iate Club/Divulgação
A Capitania dos Portos de Pernambuco abriu inquérito para investigar o que aconteceu com o veleiro Nativo, que estava desaparecido desde o sábado (27) e teve a tripulação resgatada na noite dessa segunda-feira (29) para Natal, no Rio Grande do Norte, pelo navio coreano Krasnodar, registrado na Libéria. 

O veleiro participava da 26ª edição da Regata Recife Fernando de Noronha (Refeno) e perdeu o contato com a comissão organizadora do evento na noite do sábado. Os tripulantes foram encontrados a cerca de 50 quilômetros da costa de Natal.
De acordo com o capitão-de-corveta da Capitania dos Portos do Rio Grande do Norte Erijansen de Souza, a informação repassada pelas seis pessoas que estavam a bordo do Nativo - que chegaram às 18h em Natal - foi a de que o mastro principal da embarcação havia quebrado, fazendo com que o barco virasse. "Este tipo de veleiro tem um casco que não afunda; então ele ainda está no mar, boiando", afirmou. 

O capitão também informou que, dos resgatados, dois precisaram ser atendidos na enfermaria do Hospital Naval de Natal, com escoriações leves. O comandante Jorge Neves e os tripulantes Álvaro Gonçalves da Fonte Neto, Antônio Roberto Borges da Fonseca Neves, Jorge Alberto Silvestrini, Marcos Vittorazzo e René Ribeiro Hutzler perderam todos os documentos.

Bancários entram em greve, e agências amanhecem com adesivos

Agências bancárias amanhecem repletas de adesivos e cartazes alusivos à greve em Curitiba, Paraná, nesta terça-feira (30). Funcionários dos Bancos de todo o Paraná entraram em greve por tempo indeterminado a partir de hoje. A categoria pede reajuste salarial de 12,5%, além de piso salarial de R$ 2.979,25, PLR de três salários mais parcela adicional de R$ 6.247 e 14º salário. Os bancos, através da Febraban, propõem reajuste de 7,35%. (Foto: Geraldo Bubniak/AGB/Estadão Conteúdo)Agências bancárias amanhecem repletas de adesivos e cartazes alusivos à greve em Curitiba, Paraná, nesta terça-feira (30). (Foto: Geraldo Bubniak/AGB/Estadão Conteúdo)
Assembleias realizadas nesta segunda-feira decidiram aderir à greve.
Categoria pede 12,5% de reajuste e melhores condições de trabalho. 
Os bancários de bancos públicos e privados decidiram entrar em greve a partir desta terça (30), por tempo indeterminado, segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT).
Nesta manhã, agências amanheceram com adesivos colados nos vidros, indicando a paralisação.
Até as 22h desta segunda, 20 estados haviam confirmado adesão à greve, além do Distrito Federal: Acre, Amapá, Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe. (Veja abaixo como está a adesão à greve nos estados)
Paralisação pelo país
Em Sergipe, o único banco que não está participando do movimento grevista é o Banese. Os trabalhadores da instituição decidiram aceitar a proposta feita pelos banqueiros. Com isso, as agências do banco estadual estarão funcionando normalmente. O presidente do Sindicato dos Bancários de Sergipe (Seeb/SE), José Souza, diz que ainda não é possível calcular qual o quantitativo de adesão do movimento nas demais instituições financeiras.
“É muito difícil que se tenha 100% de adesão logo no primeiro dia. Por isso, nos concentraremos essa manhã em instalar a greve. Iremos à porta das agências do Centro Comercial de Aracaju para informar a população sobre o movimento”, afirma o sindicalista.
Bancários de bancos públicos e privados de todas as regiões do Paraná decidiram aderir à greve nacional da categoria. Com isso, várias agências ficarão fechadas em todo o estado. A paralisação, segundo o Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região Metropolitana, é por tempo indeterminado.
O Sindicato dos Bancários do Ceará informou, nesta terça-feira (30), que a greve deve ser “forte” em Fortaleza e no interior do estado. “Nosso objetivo é que seja forte e rápida para minimizar os danos para a população”, disse o diretor executivo do sindicato, Clércio Morse, que espera dar celeridade as negociações com o movimento grevista.
Em Santarém, no Pará, segundo o sindicato que representa a categoria, os funcionários de bancos públicos e privados vão aderir ao movimento grevista.
“Como a categoria bancária tem a consciência coletiva, todas as agências serão paralisadas. O que vai ficar funcionando são somente os auto atendimentos de todas as agências. Tanto o banco público quanto o banco privado vai ser paralisado. Temos orientação do nosso comando nacional para que todos os bancos sejam paralisados”,  informou o diretor do Sindicato dos Bancários em Santarém, Joacir Pereira.
Na Paraíba, pelo menos 160 agências bancárias, integrantes da base do sindicato, vão parar por tempo indeterminado, segundo o presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba, Marcos Henriques.
Marcos Henriques garantiu que os bancários vão manter o serviço de compensação de cheques e o abastecimento dos caixas eletrônicos. “O autoatendimento vai ficar aberto para saques. Hoje, 86% dos serviços são feitos no autoatendimento”, comentou.
Os bancários de Mato Grosso também entram em greve na manhã desta terça-feira (30) e o atendimento interno nas agências deverá permanecer interrompido por tempo indeterminado, de acordo com o Sindicato dos Bancários do estado (SEEB-MT).
Segundo José Guerra, presidente do Sindicato, atualmente o estado possui seis mil bancários e 360 agências, sendo que a maioria delas não deve abrir durante a greve. Para quem está preocupado com o vencimento das contas, uma dica do sindicato é que elas podem ser pagas pela internet, casas lotéricas, além de supermercado e agências dos correios.
O que para e o que funciona
Carlos Cordeiro, presidente da Contraf-CUT, informou que a greve será iniciada apenas em agências bancárias. Caixas eletrônicos, serviços de teleatendimento e centros administrativos continuam funcionando.
Porém, segundo Cordeiro, existe a possibilidade de estender a greve a outros setores se as negociações com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) demorarem. "A nossa greve sempre começa pelas agências bancárias. A cada dia que passa que isso [acordo entre a categoria e os bancos] não ocorre, a greve tende a crescer e atingir setores mais estratégicos", diz Cordeiro.
Reivindicações dos bancários
Os trabalhadores que decidiram pela greve pedem reajuste salarial de 12,5%, além de piso salarial de R$ 2.979,25, PLR de três salários mais parcela adicional de R$ 6.247 e 14º salário. A categoria também pede aumento nos valores de benefícios como vale refeição, auxílio creche, gratificação de caixa, entre outros.
Além do aumento de salário e benefícios, os bancários também pedem melhores condições de trabalho com o fim de metas consideradas abusivas, combate ao assédio moral, igualdade de oportunidades, entre outras demandas.
No sábado (27), o Comando Nacional dos Bancários confirmou o indicativo de greve mesmo após uma nova proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). As instituições financeiras elevaram o reajuste de 7% a 7,35% para os salários, enquanto o aumento no piso da categoria foi de 7,5% para 8%. No entanto, os novos índices foram considerados insuficientes pelos bancários em reunião realizada em São Paulo.
Em 2013, os trabalhadores do setor promoveram uma greve de 23 dias, que foi encerrada após os bancos oferecerem reajuste de 8%, com ganho real de 1,82%. A duração da greve na época fez a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) pedir um acordo para o fim da paralisação, temendo perdas de até 30% nas vendas do varejo do início de outubro.