banner de rolagem carrosel

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Governo de Pernambuco firma parceria com iniciativa privada para recuperar estradas

Trecho da BR-101 recortada por buracos. Foto: Guga Matos/JC Imagem.
Trecho da BR-101 recortada por buracos. Foto: Guga Matos/JC Imagem.
Alvo constante de críticas, duas estradas que cortam Pernambuco devem ganhar reparos em breve. Na tentativa de recuperar três trechos da BR-101 Sul e um da PE-08, em Jaboatão dos Guararapes, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), assina nesta quarta-feira (25) um protocolo de intenções para firmar a parceria com as empresas Cone S/A, M. Dias Branco, Solar Coca-Cola e R.E.D.E. Suape.
As obras para recuperar as rodovias estão orçadas em R$ 12, 4 milhões. O objetivo da reforma é facilitar o acesso ao Complexo Industrial Portuário de Suape. A expectativa é que o início das obras aconteça já em 2015, com duração prevista de seis meses.
Segundo o governo do Estado, o projeto de recuperação já está pronto e foi encomendado à JBR Engenahria, que avaliou as melhorias possíveis na mobilidade da BR-101 Sul e indicou as obras necessárias.
Trechos que vão receber a intervenção. Foto: divulgação Governo do Estado.
Trechos que vão receber a intervenção. Foto: divulgação Governo do Estado.
Para o vice-presidente de Investimentos e Controladoria da M. Dias Branco, Geraldo Luciano, as obras de infraestrutura contempladas no projeto se revestem da mais alta importância para o adequado desenvolvimento das atividades empresariais nas áreas envolvidas, além do seguro e rápido deslocamento das pessoas que transitam e trabalham no entorno.
Angelo Bellelis, presidente do Conselho da REDE Suape, lembra que a linha de atuação dos empresários é baseada no fator colaborativo. “As alterações propostas devem garantir fluidez do trânsito, redução no tempo de deslocamento tanto para o transporte de cargas como para os carros particulares e veículos de transporte de passageiros”.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Comunidade se uni para salvar Gaibu

Moradores, veranistas e comerciantes do balneário, localizado no Cabo de Santo Agostinho, criam entidade para tentar reverter o estado de abandono da praia.



Fonte (JC)

PF apreende 380 kg de maconha e prende dois suspeitos

O volume foi considerado recorde na Região Metropolitana do Recife
Foto: PF/ Divulgação
Foto: PF/ Divulgação
A Polícia Federal (PF) apresenta nesta terça-feira uma apreensão recorde de maconha na Região Metropolitana do Recife (RMR). Cerca de 380 kg da droga foram encontrados na tarde desta segunda-feira em poder de sois suspeitos, que foram presos por tráfico de drogas.

A ação foi realizada pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes durante uma investigação de rotina. Informados sobre uma caminhonete Ford F-350 que estaria transportando uma grande quantidade de maconha do Mato Grosso para o Recife, foram montadas várias equipes de policiais federais nos principais pontos e estradas que dão acesso à entrada da capital pernambucana.

Por volta das 15h, a caminhonete Ford modelo F-350 placas JMT-6392/BA, tinha as mesmas características apontadas pela investigação foi localizado estacionado em um posto de combustíveis em Prazeres, Jaboatão dos Guararapes. No veículo, seguia viagem o motorista paulista Everaldo da Silva de Faria, de 30 anos. 

A abordagem aconteceu quando os federais perceberam a chegada de uma moto Honda de cor azul de placas KJP-4363. A moto era pilotada pelo comerciante carioca Helio Ferreira Correira, de 38 anos. O último, morador do Recife, já havia sido preso e cumpriu pena de um ano pelo furto de uma máquina fotográfica e de um Notebook.
Depois de conversar, os dois sairam do posto de combustível e foram seguidos pelos policiais. Ao pararem em um sinal em Prazeres, foram abordados. Desarmados, eles não ofereceram qualquer tipo de resistência e foram levados para a sede da Polícia Federal no Recife.

Escondida no lastro da carroceria do veículo e em fundo falso foram encontrados 329 tabletes da a droga, encoberta por pó de café para inibir o odor forte da maconha. O preso bruto totalizou quase 380 kg de entorpecente.

Os suspeitos receberam voz de prisão em flagrante e foram autuados por tráfico interestadual de drogas e associação. Caso sejam condenados, poderão pegar penas que variam de dois a 25 anos de reclusão. Eles foram encaminhados para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), onde ficarão à disposição da Justiça Estadual de Jaboatão dos Guararapes. 

Além da droga, da moto e da caminhonete, também foram apreendidos quatro aparelhos celulares e a quantia de R$ 550. No interrogatório, Everaldo usou de seu direito constitucional de apenas falar em juízo, limitando-se a dizer que trabalha na CEASA de Feira de Santana, transportando frutas e verduras. 

Já Hélio assumiu a empreitada criminosa, informando apenas que recebeu uma ligação de uma pessoa na qual não sabe o nome oferecendo uma proposta de R$ 3 mil para guiar o caminhoneiro em sua moto até um local que não foi revelado por ele.

Esta é a 2ª apreensão de drogas que a PF realiza em Pernambuco. Até agora foram presos três homens por envolvimento com o tráfico e a quantidade de 391 Kg de maconha. Em 2014 a PF em Pernambuco prendeu 52 pessoas por envolvimento com o tráfico de drogas e apreendeu 2.220 kg de maconha; 144 kg de pasta base de cocaína; 12 kg de crack; 31 kg de haxixe; 44 kg de cocaína pura e nove mil comprimidos de Artane.

O herói americano de Clint Eastwood

Chega aos cinemas do Brasil "Sniper Americano", o exitoso e polêmico filme de Eastwood

 

Divulgação
Ator foi o primeiro a ver potencial na história do atirador para fazer filme
Não que o cinema de Clint Eastwood precise de polêmica para chamar a atenção, mas as discussões que surgiram nos EUA em torno de "Sniper Americano" (EUA, 2014) provavelmente ajudaram o novo filme do cineasta a tornar-se o fenômeno de bilheteria que foi por lá. Tendo custado cerca de US$ 58 milhões, a produção faturou em pouco mais de dois meses o valor de US$ 286 milhões. O fenômeno surpreendeu o próprio diretor como também seu protagonista e produtor, Bradley Cooper. Cooper, a propósito, sustenta um - o de melhor ator - dos seis títulos de indicação ao Oscar 2015 que este 35º longa-metragem dirigido por Eastwood carrega.
O filme é uma adaptação do livro "American Sniper: A autobiografia do mais letal atirador de elite na história do exército americano". Conta a história real de Chris Kyle (1974-2013), celebrado como herói pelo seu pais por conta das 160 pessoas que matou na função de franco-atirador durante os cerca de dez anos que lutou na Guerra do Iraque. Morto em 2013, antes do filme começar a ser rodado, a América decretou o dia se sua morte, 2 de fevereiro, como o "Chris Kyle Day".
A questão é que "Sniper Americano", o filme, virou mote de discussão política entre os partidos Liberal e o Conservador por lá uma vez que Kyle e os outros militares utilizavam uma linguagem ofensiva contra os muçulmanos dando margem a que o filme fosse percebido como um "discurso de ódio". A repercussão ganhou o mundo e, no início de fevereiro, o filme foi retirado do único cinema que o exibia em Bagdá.
Outro ponto delicado levantando pelo filme diz respeito à glorificação da figura do franco-atirador, figura sempre considerada uma espécie de covarde por não colocar a cara na linha de frente e submeter-se ao fogo aberto pelos inimigos. "Sniper Americano" não apenas muda esse conceito, como o eleva ao título de lenda heróica.



Polêmicas à parte, Eastwood parece ter tomado os habituais cuidados na construção de seu heroi. A primeira cena do filme resume o principal conflito do protagonista. Kyle (Cooper) está em campo de guerra, num telhado com um menino a dezenas de metros na mira de seu fuzil. O garoto esconde uma bomba e corre contra a tropa americana a poucos metros a sua frente. A decisão entre assassinar a criança e deixá-la atacar seus colegas é exclusivamente sua. O que fazer?
O herói de Eastwood aqui não é tão diferente daquela figura que o próprio já imortalizou como ator. Fosse pelo policial solitário e incompreendido que resolve a questão pelas seus próprios princípios (duvidosos ou não), seja pela figura do cowboy mistérioso e também solitário que sempre encara os vilões para proteger os indefesos - usualmente mulheres ou crianças.
No caso, Kyle era mais um simples e feliz jovem texano que adorava montar cavalos em rodeios até que, depois do 11 de setembro de 2001, decide alistar-se como militar para lutar contra o terrorismo. Uma vez em campo inimigo, os primeiros horrores da guerra vão aos poucos dando lugar a uma satisfação pela ideia de um trabalho bem feito e pela sensação de patriotismo cumprido. São essas alegrias que fazem com quem ele sempre retorne ao campo de batalha, deixando de lado uma família que cresce sozinha nos EUA. Um detalhe: a ideia de ser um "herói" pelo que ele faz sempre incomoda o rapaz.
Cooper, um dos fortes indicado a melhor ator, talvez esteja aqui em seu melhor momento, ao contrário de seus histriônicos Pat em "O Lado Bom da Vida" (2012) e Richie em "Trapaça" (2013). Isto porque como o Sniper, o ator precisa trabalhar com o mínimo para expressar o máximo. Traduzindo, a rotina diária do herói é ficar deitado abraçado a sua arma, controlando cuidadosamente a respiração e movendo apenas os olhos. E expressar medo, ansiedade, raiva, dúvida e alegria apenas por estas possibilidades é mesmo só para profissionais.
Saiba mais
VISIONÁRIO - Foi o ator Bradley Cooper o primeiro que viu o potencial do livro autobiográfico de Chris Kyle para transformá-lo num filme. Sem titubiar, adquiriu imediatamente os direitos da obra e começou a produzi-lá, tendo o nome de luxo de Clint Eastwood à frente da direção. Desde o princípio seu plano era intrepretar o protagonismo
Cotação: bom

Empresa desiste de contrato e requalificação da BR-101 Norte e Sul é adiada

A obra estava orçada em mais de R$ 200 milhões e abrangeria desde Abreu e Lima até Jaboatão
Por Site Da TV Jornal
Reprodução/TV Jornal
Os motoristas que precisam passar pela BR-101 têm que ficar atentos aos diversos buracos que existem na via, de norte a sul. A empresa que deveria cuidar da requalificação de um trecho de 30 quilômetros está sendo investigada em um esquema de corrupção e já anunciou que vai desistir do contrato. Com isso, os motoristas vão ter que ter paciência até ver a rodovia em condições de uso.

Em um trecho próximo à Vila dos Milagres, no bairro do Ibura, Zona Sul do Recife, os buracos parecem se multiplicar. O trânsito é grande e exige muita paciência dos motoristas. Eles precisam trocar de faixa repentinamente para seguir viagem e podem provocar acidentes.

Em vários trechos da BR-101, os problemas se repetem. Tráfego lento, buracos e quase nenhum acostamento. Quando tem, também está esburacado e os motoristas não têm saída, apenas contabilizam os prejuízos. Quem sai do bairro da Macaxeira, na Zona Norte do Recife, e entra na rodovia, também enfrenta muitas dificuldades.


Reprodução/TV Jornal
Próximo à Muribeca, em Jaboatão dos Guararapes, a realidade é muito complicada. Com a degradação do asfalto da BR-101, os buracos ficam cada dia mais profundos. Um engenheiro que trabalha próximo ao local, contou que os acidentes já viraram rotina.

A má condição da rodovia é um problema antigo para os motoristas. O trabalho de tapa-buraco nunca resolveu, sempre foi um paliativo, e a obra de requalificação da rodovia é um sonho cada vez mais distante de ser realizado. A empreiteira que ganhou a licitação da obra, desistiu do contrato e agora é alvo da Operação Lava-Jato, que investiga um esquema de desvio de dinheiro. A obra estava orçada em mais de R$ 200 milhões e abrangeria desde Abreu e Lima até Jaboatão dos Guararapes.

Sem perspectiva para início da requalificação da rodovia, os motoristas seguem em ritmo cada dia mais lento e sempre acompanhados da sensação de abandono.

Através de nota, a Secretaria das Cidades informou que o Governo Estadual iniciou uma negociação para que a empresa que ficou em segundo lugar na licitação, feita há dois anos, possa assumir as obras. Caso ela não tenha interesse em assumir o serviço, será iniciado um novo processo de licitação. Enquanto isso, o Governo garante que ainda esta semana irá abrir uma licitação emergencial para que sejam feitas obras de recuperação da rodovia, com serviços de nivelamento e tapa-buraco. Este processo mais urgente deve ser concluído até o dia 15 de março.


Respeito ao ciclista será avaliado em teste do Detran-PE

Do JC Trânsito
Além dos equipamentos que já eram usados, agora haverá também bicicletas / Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem
Além dos equipamentos que já eram usados, agora haverá também bicicletasFoto: Hélia Scheppa/JC Imagem
Em aproximadamente dois meses, quem for ao Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) para fazer o teste prático exigido para tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) terá que respeitar também a regra de manter um metro e meio de distância dos ciclistas. Isso porque os 20 pátios do órgão terão, cada um, um manequim com uma bicicleta para avaliá-los.
A expectativa do Detran-PE é que a medida seja implantada em abril. Porém, isso pode não ser cumprido, já que os manequins ainda não foram encomendados e o prazo da fábrica, a única de Pernambuco, para entregá-los é entre 40 e 60 dias. De acordo com a coordenadora do Escritório da Bicicleta de Pernambuco, Rosaly Almeida, representante da Secretaria das Cidades, a negociação com a empresa deve ser concluída esta semana.
Curso começou nesta segunda-feira
Curso começou nesta segunda-feiraFoto: Paulo Maciel/Detran-PE
A distância preventiva é considerada importante para garantir a segurança dos ciclistas, mas pouco fiscalizada. Segundo o artigo 192 do Código Brasileiro de Trânsito e resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Conatran), não respeitar a regra é infração grave. A multa para os motoristas que a descumprirem é de R$ 127,69.
Para colocar a medida em prática, instrutores de autoescola credenciados pelo Detran-PE começaram, nesta segunda-feira (23), o curso “Bicicleta como modal de transporte”. Ao todo, as aulas serão oferecidas a 2.541 pessoas no Recife, desde esta manhã até o dia 6; em Caruaru, no Agreste, de 16 a 20 de março; e em Petrolina, no Sertão, de 24 a 27 de março.

Operadoras terão que explicar bloqueio de internet depois do fim da franquia

Empresas Vivo, Claro, TIM e Oi foram notificadas pelo Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor

 

O Ministério da Justiça quer que as operadoras de telefonia celular prestem esclarecimentos sobre bloqueio do acesso à internet móvel depois que a franquia contratada termina. A notificação das empresas Vivo, Claro, TIM e Oi foi feita pelo Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, da Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça.
No ano passado, as quatro operadoras anunciaram que os clientes de alguns planos, que consumissem toda a franquia de internet móvel contratada, teriam a navegação cancelada, e não apenas a velocidade reduzida, como era feito até então. Para restabelecer a velocidade, o usuário deve pagar um valor adicional. As operadoras notificadas terão o prazo de até dez dias para prestar os esclarecimentos.
Foram solicitadas informações sobre a forma de bloqueio do acesso à internet após o esgotamento da franquia de dados, comunicação prévia aos consumidores, alterações contratuais e técnicas envolvidas. Segundo o ministério, o objetivo é auxiliar na investigação preliminar do assunto, para verificar se todos os direitos e garantias dos consumidores afetados estão sendo respeitados.
Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), as regras do setor permitem às empresas adotar várias modalidades de franquias e de cobranças, mas o Regulamento Geral de Direitos do Consumidor de Serviços de Telecomunicações determina que qualquer alteração em planos de serviços e ofertas deve ser comunicada ao usuário, pela prestadora, com antecedência mínima de 30 dias. Ao adotar a medida, as operadoras justificam que esta é uma tendência mundial, porque os clientes necessitam de velocidades de navegação cada vez maiores.
A TIM informou que não recebeu a notificação do Ministério da Justiça, mas diz que está à disposição para prestar os esclarecimentos necessários, e adianta que a medida é aderente às normas da Anatel. A Claro informou que também não foi notificada, a Oi disse que não comentará sobre a notificação e a Vivo ainda não se manifestou.

 

Bezerra e Câmara: nenhum ranço

Observa Marisa Gibson na sua coluna desta terça-feira no Diario de Pernambuco:
O Senador Fernando Bezerra Coelho ( PSB) receberá no gabinete do Senado, em Brasília, a visita do governador Paulo Câmara.
Em conversa ontem entre os dois ficou definido que na próxima agenda de Paulo à capital federal, possivelmente semana que vem, a primeira escala do governador será o Senado - uma providência para mostrar que não há estremecimento entre os dois.
Isso, no entanto, não impede que Bezerra Coelho insista em ampliar seus espaços no estado, e que o governador e o PSB continuem trabalhando para tolher os passos do senador

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

NOTA DE PESAR


Faleceu na manhã desta segunda (23), de infarto, Gleyçon Ferreira. Profissional da beleza, era conhecido em Ponte dos Carvalhos como Gueleu Cabeleireiro. Gleyçon foi socorrido para o Jamacy de Medeiros, e, na tentativa de reanimá-lo, não houve sucesso.

O Blog de Ponte dos Carvalhos manifesta seu mais profundo pesar pelo fato ocorrido hoje e que provoca enorme tristeza em toda comunidade.

Na oportunidade, presta suas sinceras condolências aos familiares e amigos por tão grande perda.


Cidade de São Paulo deve ganhar 400 km de ciclovias até o fim de 2015


Além do transporte público, as bicicletas são cada vez mais uma alternativa viável ao trânsito caótico das capitais. Em Berlim, Amsterdã, Nova York, Londres e Barcelona, como em várias outras cidades, é comum ver pessoas, desdes estudantes até executivos, pedalando pelas ciclovias. E se depender dos planos do atual prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, a capital paulista deve entrar para esse grupo. O objetivo é que 400 km de ciclovias sejam criadas até o fim de 2015.
São Paulo tem hoje cerca de 60 km de ciclovia, um número bastante baixo quando comparado às demais metrópoles do mundo, que têm de 400 km a 500 km de vias exclusivas para bikes. Para se ajustar ao valor, a Prefeitura deverá entregar, até o fim do ano que vem, um novo trecho de ciclovia por semana.
As ciclovias serão criadas onde hoje existem zonas de estacionamento, o que não deve prejudicar o tráfego de veículos na cidade. Todas as faixas serão sinalizadas com a cor vermelha, conforme o padrão internacional para ciclovias. Esse é mais um bom motivo para tirar a bicicleta da garagem e adotá-la como estilo de vida, hein?
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Prefeitura vai criar 400 km de ciclovias em São Paulo
Todas as imagens © CETSP
Vai adotar a bike para ir e vir do trabalho ou faculdade? Inspire-se nestes nova iorquinos que, apesar de andarem de bicicleta por aí, não deixam o estilo de lado.

OBS: O problema é a falta d´agua, andar com a garrafa de água corre um grande risco de ser roubado!